Euforia, emoção e aprendizado definiram o encerramento do Intercom Nordeste 2018

Na noite de sábado (07/07), chegou ao fim a 20º edição do Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação da Região Nordeste. O encerramento aconteceu no Centro de Cultura João Gilberto, em Juazeiro, onde o público lotou a área externa do local. O evento teve um total de 1.435 inscritos com: 308 trabalhos de Intercom Jr; 107 DTs e 217 Expocom; cerca de 30 oficinas, além de mesas, painéis temáticos, lançamentos de livros e apresentações artísticas.

De acordo com o vice-coordenador do evento, o Prof º Iury Aragão, receber o Intercom em Juazeiro foi muito importante, principalmente para os estudantes da Uneb, que vivenciaram essa experiência, viram os trabalhos de outras universidades, puderam conversar com diversas pessoas e ter outras experiências. “O congresso é um espaço multicultural onde conseguimos receber os participantes e aprender com tudo isso. Durante a programação, as salas e auditórios estiveram sempre cheios, indicando que as pessoas estão interessadas na discussão sobre a comunicação que acontece aqui no nordeste. A gente fica grato por ter recebido esse evento e torce para que os participantes tenham gostado e aproveitado esse momento”, destacou.

Para Márcia Guena, diretora do Departamento de Ciências Humanas Campus III, a avaliação do Intercom Nordeste 2018 é muito positiva. “Conseguimos fazer um evento tranquilo, organizado, com toda a programação sendo cumprida, o que para nós foi muito gratificante. Parabenizo professores, estudantes e a toda equipe. A gente sai com estudantes muito entusiasmados, envolvidos com a comunicação e aprendendo a organizar um grande evento”.

O estudante do 4º semestre do curso de Relações Públicas, Fabrício Filgueiras, da Uneb de Salvador, participou pela primeira vez do Intercom Nordeste e foi premiado na categoria “Produto de comunicação institucional impresso”, com o trabalho “Projeto Meu Museu”. Ele considerou enriquecedora a troca de ideias com pessoas de outros estados, além de ter elogiado a organização e recepção do congresso, “o pessoal foi muito prestativo conosco, dando apoio com as informações sobre o evento, sobre os locais de apresentação dos trabalhos. O povo de Juazeiro é bastante receptivo e carismático. Achei a cidade diferente, pois ainda não conhecia o sertão baiano”, contou o estudante.

Vencedor na categoria “Agência Jr. de Relações Públicas”, com o trabalho “Deu like” o estudante Kleomarlisson Souza, da Universidade Federal do Maranhão, aprovou a organização do Intercom e sentiu-se em casa na cidade de Juazeiro. “O congresso foi ótimo em relação a outros que aconteceram em cidades maiores. As pessoas nos davam informações corretas sobre o que a gente perguntava e o pessoal daqui é bastante acolhedor”, elogiou.

A noite de encerramento do Intercom Nordeste Juazeiro foi marcada por grande expectativa entre os estudantes que concorreram aos prêmios da Exposição de Pesquisa Experimental em Comunicação (Expocom). Os ganhadores irão apresentar os trabalhos no Intercom Nacional que vai acontecer na cidade de Joinville (SC) entre os dias 02 a 08 de setembro. Com um total de 67 premiados a programação foi encerrada ao som do grupo P1 Rappers.

Outras informações sobre o evento, coberturas podem ser acessadas pelo site www.intercomnordeste2018.com.br 

Texto: Robson Lima

Fotografias: Ascom Intercom

Edição: Andressa Silva

10, julho, 2018 Publicado por